07/02/2022

Testando Bloqueadores Solares Asiáticos

Por Arquivo da Saude

Resenha enviada por Fernando Goober

;Quem acompanhou a minha última resenha (aqui), sabe da minha paixão atual pelos filtros asiáticos. Aliás, estou quase me “mudando” para o oriente! Como adquiri após o Bioré Milk vários outros protetores, resolvi fazer uma nova resenha sobre dois ótimos produtos: o Bioré Aqua Rich mousse e o Sofina White Perfect.

Eis a primeira parte da “saga” ?

Bioré Aqua Rich Watery Mousse Water Base SPF 50+ PA+++

;Água para a sua pele!

É exatamente assim que deveria descrevê-lo. Primeiramente, o Aqua Rich não é um protetor solar matificante e nem é essa a intenção dele, mas sim, proteger a pele e hidratá-la na medida certa. A sua textura é ótima. Espalha fácil e dá uma cobertura boa e uniforme. Aquele efeito-base sem cor que você fica espantado.

É um mousse diferente, quando você aplica sobre a pele, ele parece que vira um gel levíssimo, quase líquido que dissolve na pele. Numa comparação com o Minesol OC, que tem uma consistência parecida com um mousse (só que não espalha de forma fácil), o Bioré cobre a pele toda e absorve rápido, instantaneamente. Só que você tem que saber espalhar, pois ele realmente é diferente de tudo, lembra um chantilly. Eu, particularmente, gostei mais dessa forma que em fluido! Eu consigo ter dimensão de onde eu apliquei na face.

A embalagem dele é em tubo e tem um bico fino para saída que não desperdiça o produto.

O cheiro é leve e cítrico, mas você sente só na aplicação.

O único porém, na minha opinião, é que se a sua pele for oleosa, o brilho pode aparecer. Para o meu tipo de pele, que é muito oleosa, eu percebi que um tempo depois a pele brilha. Isto ocorre não por causa do produto, mas por causa da oleosidade natural mesmo. Até me surpreendi quando vi a indicação dele também para peles secas e normais.

Só que ele não piora a oleosidade natural da pele como muitos protetores o fazem. E também percebi que um pouco desse brilho era justamente do próprio aspecto hidratado. Quando passei lenço para absorver qualquer resíduo de oleosidade, ficou quase intacto. E convenhamos que nem todos gostam de pele opaca, pois parece uma pele sem viço. Com o Bioré a sua pele parece mais clara, radiante e luminosa.

Como sou traumatizado com brilho no rosto, fico um pouco incomodado. Mas ele segura muito bem qualquer tratamento por baixo dele. Se for o caso, você pode optar por um matificante específico para controlar a oleosidade natural que o Bioré fará a parte dele.

Ao longo do dia fiz mais duas aplicações. Aliás, acho que até duas já dava conta por que mesmo ele não sendo muito aderente – pelo menos é o que dizem – não saiu da minha pele nem depois de malhar ou correr.

Percebi também uma impermeabilização, por que o máximo que poderia aparecer eram gotas de suor por causa das atividades físicas.

Na terceira aplicação eu já achei um pouco mais complicado, como ele adere bem na pele, ao reaplicar, parecia que ia esfarelar, mas não chegou ocorrer. Porém, notei um efeito mais claro na minha pele. Tirou todo o aspecto rosado que o ácido retinoico deixa na mesma. Ou seja, peles morenas, bronzeadas ou negras, podem notar o efeito “white cast” e precisar usar um pó fácil para tonalizar a pele. Ou talvez você prefira um visual “gueixa”.

Ah sim, ele é um ótimo corretivo e pode ser usado como base de maquiagem, pois a sua ótima cobertura atenua linhas superficiais, manchas e olheiras. Acredito que as mulheres vão gostar mais dele por causa dessa aparência de modelo de capa de revista que ele proporciona.

Não há sensação de álcool ao aplicar (embora ele tenha álcool da fórmula) e até na área dos olhos eu passei. Eu não gosto de aplicar filtros muito seco ou matificantes nesta área mais sensível, mas com ele eu não tive receio. E também ao longo do dia não senti sensação de “secura” na pele. E eu corri num frio na praia e a pele não repuxou.

Outro ponto positivo dele é que não precisa de limpador específico para maquiagem. Ele saiu apenas com sabonete e água. E a pele fica com aparência bem cuidada, talvez pela presença do ácido hialurônico, um potente hidratante que restaura e mantém a umidade.

Um filtro como esse, sem se prontificar em ser mate ou para peles mistas e oleosas, consegue ter um toque agradável, ótima textura e acabamento. Logo, o Aqua Rich pode ser usado por todos os tipos de pele.

Ingredientes:

Água, Cyclopentasiloxane, Metoxicinamato Etilhexil, álcool, dióxido de titânio, 3 Polydimethylsiloxyethyl Dimeticona-Polyglyceryl, Agar, Behenyl álcool, cera microcristalina, fenoxietanol, álcool polivinílico, Dioxoimidazolidine Dimethicoxybenzylidene Etilhexil propionato, alquil acrilato Crospolímero Acrylates/C10-30, Siliqua Gum Ceratonia, sódio Stearoxy-Hidroxietilcelulose Sulfonate PG, Hidroxietilcelulose, Metacrilato Lauril / Crospolímero metacrilato de sódio, fragrância, hidróxido de potássio, maltodextrina, EDTA Dissódico, BHT, Butileno Glicol, Propileno Glicol, Citrus Grandis (toranja) Fruit Extract, sódio Hialuronato, Citrus Medica limonum (limão) Fruit Extract, Citrus Aurantium Dulcis (laranja).

  • Proteção UVA/ UVB: sim. Contém FPS 50 +/ PA +++ com filtros físicos (dióxido de titânio) e químicos, inclusive um filtro UVA usado apenas no Japãp.
  • Indicação: todos os tipos de peles. Peles bronzeadas ou morenas podem sentir necessidade de aplicar um pó facial para atenuar um possível aspecto branco.
  • Textura: leve, toque hidratado não-pegajoso. Ideal para o rosto.
  • Espalhabilidade: muito boa. Parece água. A Kao chama de “água em cápsula”. Uma pouca quantidade espalha muito bem e de forma eficiente.
  • Aderência: não é à prova d’água, mas não escorreu com suor. Eu achei muito aderente, por que só saiu após a limpeza mesmo.
  • Absorção: ótima. Seca na pele instantaneamente. Confortável. Como todos os filtros asiáticos que usei, note que uns minutos depois, ele concede um acabamento perfeito.
  • Matificação: não é sebo-regulador, mas não piora a oleosidade. É semi mate. Se a pele for oleosa demais, o Bioré Milk ou Sofina White seria melhor indicação.
  • Hidratação: sim. Enriquecido com ácido hialurônico e várias essências cítricas (laranja, limão e toranja) que têm poder de hidratar e amaciar a pele. Pele bonita e sedosa o dia todo.
  • Limpeza: não necessita de demaquilante ou removedores específicos para maquiagem a prova d’água. Saiu apenas com água e sabonete. Mais eu prefiro arrematar com uma loção tônica para garantir as minhas limpezas de filtros solares.

Sofina UV Perfect White SPF 50 + / PA + + +

; ; ; O que dizer deste protetor solar? Ele é Best-seller!

Ele traz todos os benefícios do Bioré Milk numa fórmula mais esteticamente sofisticada! Tem tudo para agradar gregos e troianos: é fluido; é leve; é fosco; é matificante; é primer; é clareador. É como se a sua pele estivesse sem nada e ao mesmo tempo bonita e radiante!!!

O primeiro contato dele é interessante: ele consegue ser ainda mais leve e translúcido que o Bioré Milk. A sua consistência é leite, fluida, imediatamente absorve e confere na pele um acabamento leve e elegante. Alguns minutos após a aplicação ocorre aquele momento sublime: a pele fica bonita, mesmo se a noite insone não compensou.

Como todo protetor muito líquido, você deve agitá-lo bem antes de usar.

Outro benefício desses protetores da Kao é que, ao contrário dos filtros europeus que estamos acostumados a usar, quanto mais você reaplica, mais fosco e seco a pele se torna.

E ele adere muito bem à pele, sem precisar ser pegajoso ou grudento. Você pode reaplicar ele cinco horas depois que estará intacto na cútis.

Eu malho, corro e a pele continua seca. Ele tem um efeito impermeabilizante que as gotas de suor não se misturam. Observei isso jogando água antes de lavar o rosto com limpador: não sai, não escorre. Para quem sofre no calor do Rio, sabe o quanto é desagradável usar um filtro que fica escorrendo ou ensebado na pele após ficar um tempo debaixo do sol ou em lugares muito quentes, e fica com receio de passar um lenço e retirar o produto.

Aplico sempre após hidratar a minha pele e mesmo assim, ela continua mate e acabamento fosco. Isto torna ainda mais atraente os filtros da Kao: pode conjugar outros tratamentos e não correr o risco de piorar a oleosidade.

Anteriormente eu testei alguns outros protetores nacionais como o Ada Tina, Profuse, Vichy e Avéne junto com meu hidratante Tri-Activ, da Vichy. Todos eles conflitaram com o hidratante. O Sofina, mesmo com Tri-Activ, deixa a sua pele seca e bonita como se estivesse sem nada!

A cobertura fosca dele é diferente. Achei mais transparente e natural que outros filtros. Alguns deixam a pele como se estivesse com make-up. Esse é mais discreto. Até mesmo o efeito “white-cast” que pode surgir depois de várias aplicações é mais suave comparado com o Bioré Milk e Aqua Rich.

A nova fórmula do Sofina (anteriormente ele se chamava Lucent, mas foi descontinuado) é que ele se tornou um “whitening”: nos países asiáticos, eles gostam muito de manter a pele mais clara e muitas fórmulas de cosméticos contém ingredientes clareadores como o arbutin e extratos vegetais.

O Sofina tem extrato específico de camomila, desenvolvida pela Kao para uniformizar o tom da pele e o único que teve a aprovação do Ministério da Saúde do Japão com a finalidade de combater a hiperpigmentação. Li resenhas que ele realmente clareou manchas e deixou a pele mais uniforme e clara.

Ele não tem cheiro. A presença de álcool dele não é sentida. A pele não fica ressecada.

Ele pode ser usado como base antes de maquiagem. Funciona como “primer” perfeitamente por causa da sua cobertura e a presença de silicones, ingredientes usados nos melhores primers do mercado. Há quem o descreveu como mais eficiente que um Smashbox Photofinish. ;

Não é comedogênico. Nas minhas leituras de resenhas vi que todos que amavam esse protetor tinham tendência à acne.

A alta proteção solar é dos filtros minerais micronizados: óxido de zinco e dióxido de titânio, além de octinoxato. Os filtros minerais são ingredientes que permanecem na pele por todo o tempo, mantendo o grau de proteção estável. E também confirmei em depoimentos de consumidores satisfeitos com essa proteção: a pele mantém-se intacta debaixo de horas no sol.

Eu aplico o produto três vezes por dia. Em cada aplicação eu sinto o efeito “acabamento fosco” imediato. Após quatro ou cinco horas da primeira aplicação, a pele ainda continua sem oleosidade. E incrivelmente bonita e uniforme!

Na terceira aplicação, a pele está ainda intacta. Ele consegue matificar na medida certa e a sua pele não sente certa “secura” no final do dia. Isto poderia ocorrer devido à elevada porcentagem do filtro mineral óxido de zinco.

O que me conquistou ainda mais: a limpeza dele. Assim como o Bioré Milk, ele necessita de um limpador específico, como demaquilante para maquiagem à prova d’água, porém notei que a minha pele sofreu menos. Eu encomendei um gel de limpeza que retira tanto maquiagem pesada quanto às impurezas, sem necessitar enxaguar com sabonete. Mas, por enquanto, retirar ele da pele é mais suave. Mas não se esqueçam de usar um demaquilante para não correr o risco de entupir os poros. É um filtro tão discreto que você pode até não perceber que não está limpa.

É o meu preferido até agora. Tê-lo numa necessaire é mais que agradar as minhas exigências, é um bálsamo para a auto-estima!

Esse protetor é o que um bom protetor facial deveria ser!

Ingredientes:

Ingredientes ativos: ; óxido de zinco (13.87%), Ethylhexyl Methoxycinnamate (4%), Cyclomethicone, água, Dimethicone, álcool, glicerina, talco, Polymethylsilsesquioxane, Lauryl Methacrylate/Glycol Dimethacrylate, Crosspolymer, Polysilicone-9, dióxido de titânio, PEG-12 DIMEHICONE, METHICONE, PEG-3 DIMETHICONE, CHAMOMILE ET, SQUALANE, Dimethicone/Methicone Copolymer, Aluminium, Hydroxide, Silica, Hydrated Silica, BHT

  • Proteção UVA/ UVB: sim. Contém FPS 50 +/ PA +++ com filtros físicos (dióxido de titânio e óxido de zinco) e químicos.
  • Indicação: peles muito oleosas, oleosas, mistas e normais. Peles bronzeadas ou morenas podem sentir necessidade de aplicar um pó facial para atenuar um possível aspecto branco.
  • Textura: leve, toque fosco. Perfeito para o rosto. Acabamento impecável e suave.
  • Espalhabilidade: excelente. Muito fluido e agradável. Uma pouca quantidade espalha muito bem e de forma eficiente e uniforme.
  • Aderência: muito aderente. Resistente a água e ao suor. Só sai da pele após a limpeza mesmo.
  • Absorção: ótima. Seca na pele instantaneamente. Confortável.
  • Matificação: absorve o óleo na medida certa. Nos ingredientes, há a presença de sílica, talco e a própria alta concentração do filtro mineral óxido de zinco (13,8%) que contribui para o efeito de absorver o óleo. O Bioré Milk tem 12,0 de óxido de zinco.
  • Hidratação: sim. Embora seja matificante, ele tem glicerina; que ajuda a reter ; a umidade na pele e evita ressecamento; extrato de camomila, que procura melhor a tonalidade da pele sem causar alergias; dimeticone, que protege a pele de irritações. A pele não fica ressecada. Pele bonita e com aparência sedosa o dia todo.
  • Limpeza: necessita de demaquilante ou removedores específicos para maquiagem a prova d’água, devido à grande concentração de filtros minerais.

; ; ; ;Comentários finais:

O que eu posso afirmar de ambos os filtros solares?

  1. São mais que fotoproteção, são produtos de beleza! A pele fica acetinada durante e depois do seu uso.
  2. A perfeita cobertura deles é ideal para uso diário. Como fica intacto na pele, sinto mais segurança quando faço atividades físicas durante o dia e saiu pingando de suor da academia, mas com o rosto protegido para encarar algumas quadras de sol forte até minha casa. E sem estar com o rosto seboso.
  3. São produtos para quem quer fotoproteção, mas com a sensação de estar sem nada no rosto.
  4. A empresa Kao realmente cumpre o que promete na embalagem: se o produto for para proteger, hidratar, clarear ou matificar a sua pele. É o que você terá!

Onde encontrar:

Sites estrangeiros:

Fonte Bibliografica:https://varioffloja.com.br/